Eles gritaram “Bolsonaro”!

Read More

Era uma festa com drags do RuPaul e aquele público montadíssimo no glitter, descontruidex. Por acidente, já que a casa tradicional teve um problema, o evento foi parar na pista pop – e secundária –  do templo máximo do bate-estaca-bombado-sem-camisa-aditivado. Uma emergência. Foi preciso “tirar da cartola” um novo espaço para não cancelar o evento. …

0 38

Uma vez eu disse que “Nada é mais triste que um gay de Direita”. Hoje quero voltar ao tema e de repente defender o contrário, talvez porque o clima político no Brasil e no mundo só possa ser definido como “triste” para quem é de Esquerda. E tudo bem, nessa polarização é evidente que um …

2 38

Enquanto há quem diga “eu nasci assim, eu cresci assim” sem nem se chamar Gabriela, há quem diga que “se descobriu” em tal momento, quem “só curte” e quem é “fora do meio”. Tem gente que diz que “se curou” e outros que estão procurando essa tal cura. E claro, tem a galera que bate …

4 42

O mundo nerd – aquele, supostamente “descolado” – está de novo em polvorosa porque um personagem do alto escalão é oficialmente queer. Sim, queer, porque até a mesmo a definição de bissexualidade não dá conta de explicar o que seria a sexualidade – essa ideia do desejo como agente formador do conceito de “eu” – …

0 37

Era uma vez um candidato à prefeitura do Rio amaldiçoado até no nome. Um candidato que só está onde está por ser filho de quem é – sim, seria a mesma coisa que Lourdes Maria se candidatar à “rainha do pop”. Um candidato que reproduz o discurso de ódio de seu pai para se promover …

2 47

Mudam as referências, mudam as dores, mudam as delícias. Saem as Spice Girls e entra o Fifth Harmony. A pegação, antes sob as sombras de bares e boates, agora se dá na tela dos smartphones. Casamento, anúncio de namoro no Facebook, ter um perfil no Facebook. Aliás, no Insta, no Twitter e no Snap. Coletivos …

1 38

Oscar Wilde, Judy Garland, Lady Gaga, Cazuza, Martha P. Johnson, Jean Wyllys, Elke Maravilha… O que faz um “ícone gay”? Como um artista, um político ou ativista – seja LGBT ou não – se transforma em símbolo, especialmente de uma comunidade tão diversa e tão sofrida? E o que a história desses ícones revela sobre …

0 40

Disse uma vez que eu era “a bichinha da sala de aula”. Na verdade, era uma entre várias que geralmente ficavam sentadas perto da mesa dos professores, a ponto de a zoação entre os meninos do fundo passar dos xingamentos costumeiros para um significativo “vai pra turma lá da frente”. E todo mundo sabe que …

0 39

Os jogos olímpicos do Rio entraram para a história como os mais inclusivos de todos os tempos. Embora o número de atletas assumidos seja o maior já registrado (48), ele representa apenas 0,44% do total de participantes do evento, e os 14 países de onde vieram esses atletas ainda representam pouco em relação aos 206 …

0 39

Olha a cabeleira do Zezé, será que ele é? Aliás, “Será que ele é?” dá nome a um filme justamente sobre o que acontece quando alguém “suspeito” de ser gay é “arrancado do armário”. “Tu é gay que eu sei”, cantavam os meninos que riam me dizendo “essa Coca é Fanta”. To be or not …

0 39